Destino: Bora Bora. Lua de Mel no Paraíso!

Boa Tarde, noivinhas!!

Antes tarde do que nunca, né?! Passei minha lua de mel em Bora Bora -Polinésia Francesa. Mais do que um sonho, eu me senti literalmente no paraíso. Vale cada minuto de voo ate lá, rs! Não sei se porque já esta perto de fazer um ano, ou pela proximidade com o dia dos namorados, mas estou com uma saudades louca do “meu bangalô”, e como já estava devendo mesmo esse post, resolvi fazer. Eu tardo, mas não falho,rs!
Foto Retirada do site do Hotel Four Season
Sabe quando planejamos uma viagem e passamos horas e maias horas vendo fotos do destino escolhido, fotos do hotel, passeios para fazer, etc?! E quando chegamos lá, sempre vem o pensamento de que “Não é igual as fotos”?! Pois é! Lá em Bora Bora é assim também. Com a diferença de que é muuuito melhor do que qualquer foto, vídeo ou descrição que você encontre na internet, possa parecer. Eu e o Marido, brincávamos que estávamos vivendo dentro da tela do Windows (sabe, aquelas imagens de lugares MARAVILHOSOS, que a gente só sabia da existência porque tinha lá no banco de imagens do computador,hahaha). E é isso. Se o paraíso existe, não tenho duvidas, ele se chama Bora Bora!!
Para ir pra Bora Bora, escolhemos o voo que vai pelo Chile- Ilha de Pascoa- Papeete (Taiti). E lá em Papeete pegamos o voo para Bora Bora. Mas calma….vamos detalhar né?! Rs! Acho que ao todo da umas 20h de voo (contando tempo de parada em solo), ou mais. Fomos pela Lan Chile. Brasília -SP  (1h20min), SP- Santiago (5h), onde pegamos o avião no embarque nacional, sem fazer imigração, e de lá voamos ate a Ilha de pascoa (Umas 4h:30/ 5h de voo). Pousamos de madrugada, um frio do cão. Os passageiros têm que descer da aeronave para ali, fazer a imigração, e o avião ser abastecido. Passamos umas 2h mais ou menos lá e depois voamos direto para Bora bora (Aí prepara a bunda, que são umas 6h ate lá). Os horários podem não estar muito certinhos, pois realmente não me recordo exatamente o tempo, só sei que demora e muito! Rs!!

Foto Que tirei do mapa que fica na tv individual do avião

Como a viagem é longa e o Fuso horário é de umas 7h. Tipo, quando lá são 7h (da manhã), no Brasil já são 14h. O que é bem legal, pois acordávamos muito cedo e dormíamos cedo também. Para tentar acostumar com o Fuso, optamos por passar 1 dia e meio em Papeete. Chegamos lá por volta das 13h, fizemos chek in no hotel, e tentamos aproveitar a piscina. Pretendíamos dormir no horário normal para evitar o Jet Lag, maaaas, dormimos as 17h e as 4h estávamos acordadinhos, rs! Ficamos hospedados no Manava . Gostei muto do Hotel, a piscina beirando o mar, café da manhã maravilhoso, enfim, bom o suficiente para aguardar a hora de embarcar para Bora Bora, rs! A Ansiedade era muita.
Fotos do Site do Hotel e do meu arquivo pessoal
E lá fomos nós para Bora Bora. O Avião é bem pequeno, e confesso que me assustou na hora que a aeromoça falou para um casal mudar de lugar para “balancear” o peso. Hahaahaha! A Cia aérea é a Air Tahiti. Apesar de pequenos o aviões, o voo foi bem tranquilo e pontual. 40min até o paraíso!! Chegando no Aeroporto, temos a certeza de que lá, de fato é o lugar mais bonito do mundo. Pequeno mas com tudo o que você precisa para se orientar, somos recebidos no Quiosque do Hotel. E vamos de lancha até o complexo. Por sinal único meio de se transportar até lá, rs! Serio, me senti muito rycah nesse momento, rs!
Aeroporto de Bora Bora. Fotos Google.
Lancha para o hotel.
Em Bora Bora nos hospedamos no Four Season . E acho que o que pode descrever perfeitamente essa experiencia que tivemos por lá, é que sem duvidas, nunca fui tão bem tratada em um hotel na vida. E lá, não existe a resposta não. O que pedíamos ou questionávamos, se não era atendido na hora, eles davam um jeito de arrumar para nos atender.  Ao chegar somos recepcionados por um “Guia” que nos leva para um passeio pelo hotel, naqueles carrinhos de golfe, mostra onde fica tudo, explica tudo e deixa a gente no quarto. Onde ele explica mais um pouco sobre o funcionamento, horários, etc. Diferentemente dos hotéis que já estive, não precisamos passar pela recepção, só na saída mesmo.
Fiz vários videos pequenos, para conseguir enviar pelo celular para uns amigos e família, vou tentar postar aqui, mas na duvida, é sempre melhor ver o do site, sem minha voz irritante, rs! Vou por eles no final do post, para quem quiser ver sob o meu olhar, né?!
Champagne de brinde, ao chegar no hotel.
Nosso quarto era o Lagoon View over water . Antes de viajar, enviamos um e-mail ao hotel, explicando que estávamos em lua de mel e queríamos o bangalô mais reservado possível. E funcionou. Não ficamos nos bangalôs que da pra ver da área “social” do hotel. Era uma caminhada mais longa até os restaurantes, mas que podíamos solicitar o transfer. Mas gostoso mesmo era caminhar pelo hotel. Tudo o que íamos fazer, e todos os funcionários que falavam com a gente, sabiam quem eramos, o porque estávamos lá…um atendimento bem personalizado mesmo, muito top!

Casei em março, mas fomos para lá apenas em agosto, final de agosto. Pois a melhor época para conhecer Bora Bora, é entre Maio e Outubro. Período que dizem que chove menos, ou raramente chove. Ainda assim, pegamos dois dias de tempo chuvoso. Mesmo assim, não tem como aquilo lá ficar ruim, ou feio. E o Hotel preocupado com o mal tempo e os hospedes ficarem “chateados”, procurava fazer atividades para nos distrair, como luau no restaurante que beirava a praia, ou algum evento na piscina. Sem contar que nos pediam desculpas pelo mal tempo, chegava a ser engraçado.
Fizemos um passeio de Jet Sky, simplesmente maravilhoso. São umas 3h, damos uma volta em toda a ilha, com algumas paradas em lugares estratégicos e belíssimos. Onde comemos umas frutas fresquinhas que o guia pega na hora nas árvores…vale muito a pena. Nos outros dias, além de ficar no bangalô, andamos de caiaque, que o hotel disponibiliza de graça, e eu fiz uma massagem perfeita no spa do hotel.

Faça Chuva ou Faça Sol, é lindo, não é?!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As refeições eram todas feitas no hotel mesmo. O Nosso tinha 2 restaurantes disponíveis a noite (descobri depois, que era possível pegar uma lancha para ir jantar nos outros hotéis), e um no café da manhã, que por sinal foi o melhor café da manhã de hotel que já comi. O Almoço/ lanche pedíamos no quarto mesmo. Me acabei de comer bem e beber melhor ainda, rs! Gente, amo um drink, e lá eles tem vários maravilhosos. Vou tentar passar umas dicas rápidas e fundamentais. O post já esta ficando enorme e eu não falei nada útil ainda para vocês, rs!

Vamos as dicas:

MOEDA: A Moeda de lá é o Franco Polinésio (XPF), que carinhosamente, eu e o Marido chamávamos de estalecas. Não que não valesse como dinheiro, rs, mas é tudo tão caro, que pra que converter?!

VISTO & VACINAS: Não precisa de visto ou Vacinas, como Febre Amarela. Mas não custa tomar, caso esteja vencida, né?!

IDIOMA: O idioma lá é o Francês, mas eles também falam Italiano e Inglês. E no nosso hotel tinham dois funcionários na recepção que falavam Portugueses.

COMIDA E BEBIDAS: Lá é tudo bem carinho né?! Mas em relação ao tempero e as comidas servidas, não tem nada muito diferente do que a gente come aqui pelo Brasil não. Mas voltando aos valores, vale muito a pena passar no Dutty Free de Santiago e comprar umas garrafinhas de espumante, ou da bebida de preferencia de vocês. Comida não da muito pra fugir, né?! Mas também é tudo tão delicioso que a gente esquece quanto vale uma estaleca, rs…

 
Acho que é isso! Quem quiser saber algo, que eu por ventura tenha esquecido de mencionar é só deixar um recadinho, prometo responder!!
Ah! Optamos por ficar só em Bora Bora, não fomos para as outras ilhas, como Moorea. Quem sabe na próxima, né?!
Agora fiquem com as fotos, e os vídeos, para sonharem e se programarem direitinho para uma viagem ao paraíso chamado Bora Bora.
Raquel Nascimento

Raquel Nascimento

Raquel nasceu em Recife - PE, mas mora em Brasília desde os 15 anos. Se casou aos 30, em março de 2014, e foi nos preparativos para seu casamento que se apaixonou por esse mundo e decidiu nunca mais sair dele. Assim, nasceu o Felizes a Dois.

Mais posts

One thought on “Destino: Bora Bora. Lua de Mel no Paraíso!

Deixe uma resposta