Desculpa moça, foi brincadeira!

Bom diaaa!!

Pessoas lindas, o post hoje vai ser um tico diferente do que geralmente faço, acho que posso dizer que hoje será muito mais um desabafo, mas que talvez não se caracterize como tal…. Enfim! Quem não me conhece não sabe como os textos são escritos, alguns vem como uma forma de dividir com vocês o pouco do meu conhecimento adquirido através dos meus estudos e atendimentos, e outros vem da vontade de não se calar perante as situações que ocorrem em nosso país, como o post sobre relacionamento abusivo e o de hoje.

Leia mais “Desculpa moça, foi brincadeira!”

Claudia Santos

Claudia Santos

Graduada em Psicologia pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, com formação em Terapia Sexual pela Clínica Integrada de Psicologia e Sexologia - CIPS. Se apaixonou perdidamente pela Psicologia Clínica e atende adultos e casais na Equilibrium Clínica de Psicologia. CRP 01-15472.

Mais posts

Será que amo mesmo?

Bom diaaa!!

Sabe aquele desânimo que dá depois de alguns anos de relacionamento? Você percebe que você se acomodou, que o outro se acomodou e que vocês estão em um relacionamento meio morno… Aí vem as dúvidas: “Será que amo mesmo?”, “Será que não é apenas hábito?”… Antes de responder qualquer um desses questionamentos, tentem conversar a respeito, às vezes é apenas uma fase ruim e que pode ser revertida.

Leia mais “Será que amo mesmo?”

Claudia Santos

Claudia Santos

Graduada em Psicologia pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, com formação em Terapia Sexual pela Clínica Integrada de Psicologia e Sexologia - CIPS. Se apaixonou perdidamente pela Psicologia Clínica e atende adultos e casais na Equilibrium Clínica de Psicologia. CRP 01-15472.

Mais posts

Do Oiapoque ao Chuí

Bom dia!!

Namoro a distância pode sim dar certo, é claro que isso depende dos comportamentos emitidos por cada um e o quão estão dispostos para fazer a relação seguir adiante, e o conjunto de tudo isso vai definir se esse relacionamento é saudável ou não. E como tudo nessa vida, não existe uma fórmula, jeito certo, universal, cada um de nós vai desenvolver ao longo da vida, mediante as situações que vivemos, modos de lidar, resolver, se relacionar, enfim.

Leia mais “Do Oiapoque ao Chuí”

Claudia Santos

Claudia Santos

Graduada em Psicologia pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, com formação em Terapia Sexual pela Clínica Integrada de Psicologia e Sexologia - CIPS. Se apaixonou perdidamente pela Psicologia Clínica e atende adultos e casais na Equilibrium Clínica de Psicologia. CRP 01-15472.

Mais posts