Namoro à distância é furada?

Bom diaaaaaa!!

Como foi o Carnaval de vocês? Muita paquera? Aposto que teve aquela pessoa que te encantou e agora vocês estão arrumando estratégias para levar um namoro adiante! “Ah, isso é balela, todo mundo sabe que carnaval é pegação, que não vai pra frente, é coisa do momento!”. Sim, carnaval também é pegação, mas isso não significa que não pode rolar algo mais sério, vocês estão muito descrentes do amor! Atendendo a pedidos, hoje vou falar um pouquinho de relacionamento a distância.

Leia mais “Namoro à distância é furada?”

Claudia Santos

Claudia Santos

Graduada em Psicologia pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, com formação em Terapia Sexual pela Clínica Integrada de Psicologia e Sexologia - CIPS. Se apaixonou perdidamente pela Psicologia Clínica e atende adultos e casais na Equilibrium Clínica de Psicologia. CRP 01-15472.

Mais posts

Mamãe eu quero!

Bom diaaaaaa!!

O carnaval está chegando e a gente já está no aquecimento pra participar dos blocos de rua, dos bailes nos clubes, pensando nas fantasias e preparando o gogó pra cantar as famosas marchinhas de carnaval: “Ei, você aí! Me dá um dinheiro aí! Me dá um dinheiro aí!”. Tem também a turma que gosta de aproveitar o feriado pra descansar, dormir, fazer programinhas mais light ou assistir aos desfiles das escolas de samba de São Paulo e do Rio. Independente de como você escolher se divertir, essa época do ano é muito gostosa, é um clima festivo, o feriado é super prolongado e dá pra aproveitar muito!

Leia mais “Mamãe eu quero!”

Claudia Santos

Claudia Santos

Graduada em Psicologia pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, com formação em Terapia Sexual pela Clínica Integrada de Psicologia e Sexologia - CIPS. Se apaixonou perdidamente pela Psicologia Clínica e atende adultos e casais na Equilibrium Clínica de Psicologia. CRP 01-15472.

Mais posts

Vamos viajar?

Bom diaaaaaa!!

O ano começou e eu já estou com os dedos torcidos para que 2017 seja infinitamente melhor que 2016! Feliz ano novo a todos os casais lindos e aos solteiros lindos também!

Fevereiro é um mês curtinho, muita gente ainda está viajando, aproveitando o finalzinho das férias… E quem não gosta de viajar? Seja sozinho, em casal ou com amigos, é sempre bom dar umas voltinhas no globo, conhecer outras culturas, ter novas experiências, ter acesso a diferentes formas de viver e de encarar a vida! Porém as tão sonhadas férias podem ser apenas um passeio no brejo, ou seja, o que foi programado para ser um momento de lazer e diversão pode se tornar um pesadelo nível encontro com Freddy Krueger na rua Elm.

Inicialmente acredito ser importante o casal decidir se vão viajar com amigos ou se vão enfrentar essa próxima aventura a dois, até porque são dois tipos de experiências completamente diferentes. Viajar com amigos inclui a tentativa de agradar a todos em relação aos passeios, é ter que lidar com amigos que são mais lentos, que acordam de mal humor, que são mãos-de-vaca, que não querem fazer nada, mas também é compartilhar de todos os momentos e garantia de diversão, estilo excursão para a Disney, sempre rola um bafafá, mas todos se divertem!

Já a viagem a dois é diferente, tem um clima mais romântico, é uma oportunidade do casal se aproximar um pouco mais, de se curtirem e aproveitarem a companhia do outro! E como toda viagem precisa de alguns cuidados, caso contrário pode se tornar um convite para o divórcio.

Sendo assim, acredito que deixar claro quais são as expectativas em relação a viagem é uma boa, alinhar as idéias e ajustar aquilo que vocês acreditam que seja importante para o bom andamento da viagem, programem, planejem, façam um roteiro. Além disso, organização é um ponto crucial aqui, pois deixar para arrumar mala, procurar documentos em cima da hora e atrasos podem gerar atritos desnecessários, então é interessante que o casal converse a respeito e tentem ajudar o outro se perceberem qualquer dificuldade.

O respeito é fundamental, sempre! Fiquem atentos aos limites do parceiro e do casal, lembra quando falei das expectativas, roteiro e tal? Encaixam aqui! Dá pra curtir de tudo: balada, praia, passeios, shopping, jantar romântico e etc, isso se vocês tiverem planejado tudo e respeitarem o que foi acordado antes de entrarem no avião. Não vou entrar no quesito mala, acho que é uma questão bastante individual, tem gente que não se importa em arrumar tudo dos dois em uma única mala, assim como tem gente que prefere tudo separado.

Brigas podem acontecer, é normal gente, não é porque estão de férias que isso vai deixar de existir. Então se por acaso vocês entrarem em atrito, deixem os ânimos acalmarem, sentem e resolvam, não deixem que um breve momento de desentendimento contagie de forma negativa as férias de vocês.

Preparados para pegar um vôo com destino a felicidade? Então aproveitem bastante, se divirtam muito e curtam a companhia dos parceiros e parceiras! Boa viagem!

 

Claudia Santos

Claudia Santos

Graduada em Psicologia pelo Centro Universitário de Brasília - UniCEUB, com formação em Terapia Sexual pela Clínica Integrada de Psicologia e Sexologia - CIPS. Se apaixonou perdidamente pela Psicologia Clínica e atende adultos e casais na Equilibrium Clínica de Psicologia. CRP 01-15472.

Mais posts